A Chevron Corp. (San Ramon, Califórnia; www.chevron.com) anunciou o seu ingresso no Hydrogen Council, um órgão conselheiro global que fornece uma visão de longo prazo do papel do hidrogênio na transição energética mundial.

O hidrogênio é usado nas refinarias da Chevron para refinar o petróleo bruto e em outros processos químicos. De 2005 a 2010, a Chevron operou cinco estações de abastecimento de hidrogênio nas instalações de operadores de frotas, usando várias tecnologias para geração, armazenamento e distribuição no local, como parte de um projeto de demonstração de hidrogênio do Departamento de Energia dos EUA, que incluía o AC Transit no norte da Califórnia. Desde então, novos regulamentos, compromissos com montadoras e avanços tecnológicos aumentaram o potencial do papel do hidrogênio no que tange a transição energética.

“As operações da Chevron resolveram alguns dos desafios energéticos mais complexos do mundo. E continuamos a explorar soluções de energia cada vez mais limpas para o futuro”, disse Michael Wirth, presidente e CEO da Chevron. "Nosso apoio ao Conselho de Hidrogênio reflete nossa visão de que o hidrogênio pode desempenhar um papel em um futuro onde combustíveis para transporte, matérias-primas industriais e meios de armazenamento de energia utilizarão menos carbono".

O Conselho de Hidrogênio apoia a abordagem da Chevron para a transição energética e é um exemplo do compromisso contínuo da empresa em inovar e buscar fontes de energia cada vez mais limpas. Além de ingressar no Conselho de Hidrogênio, a Chevron planeja conduzir pilotos de "teste e aprendizagem" nas estações de abastecimento de hidrogênio em locais da Califórnia. Recentemente a empresa também contribuiu para um relatório desenvolvido pela Fuel Cell and Hydrogen Energy Association (Associação de Energia de Hidrogênio e Células a Combustível) e intitulado Road Map to a US Hydrogen Economy (Roteiro para uma economia de Hidrogênio) nos EUA. O relatório enfatiza a versatilidade do Hidrogênio em um futuro com menos uso de carbono.